Cinque Terre: não era preciso esmerarem-se tanto!

Mas porque é que tem que ser tudo tão bonito?!! Um fim-de-semana a passear pelas Cinque Terre estava na minha bucket list desde que soube que ia viver em Itália. Já lá vão quase 10 anos desde a última vez que tinha visto aquelas pequenas vilas incrustadas nas rochas à beira bar e estava na…

[EN] A trip of a lifetime: a bike journey from Cape 2 Cape

One of my favourite things about traveling is the amazing people I meet. They have the most extraordinary life stories to tell and better: they are hungry for more. So they will keep going to new places, discovering new ways of connecting to people and live more. One of these awesome people I’ve met is…

Lucerne: edição de Verão e uma despedida

Não foi assim há tanto tempo que estive em Lucerne, mas vi-me “obrigada” a lá voltar para uma festa de despedida de um Suíço. Afinal, ele vai começar uma viagem de dois anos de bicicleta de Cabo a Cabo (Nordkapp a Capetown) e se há acontecimento que merece uma mega festa – e a minha…

“Nápoles não é uma cidade, é um mundo”

Esta frase, a do título, estava no letreiro de um restaurante em Nápoles e acho que não há melhor descrição possível. Ao sair da estação de estação de comboios percebe-se logo porquê. Aquelas ruas são um caos: os condutores regem-se por regras que nunca apareceram em nenhum código da estrada, as ruas estão sujas, as…

Turim, aqui vive-se bem!

São precisos poucos segundos para perceber que Turim é diferente da maioria das cidades italianas. A arquitectura é um cruzamento entre Paris e Viena, as avenidas são largas e limpas e as ruas estão cheias de lojas finas com montras apetecíveis. E ao fim de 4 dias em Turim nomeei-a como a cidade com maior…

Desvendar o Irão: tudo o que deves saber antes de ir (parte 1)

Preparar uma viagem ao Irão pode ser algo um pouco caótico. Para além de não haver uma grande quantidade de informação disponível, a informação que há pode ser bastante contraditória, principalmente a nível de regras sociais e culturais. Algo que até é compreensível, porque o Irão é um país que, desde que assinou o acordo…

Desvendar o Irão: tudo o que deves saber antes de ir (parte 2)

continuando o overflow de informação… Alojamento O alojamento no Irão não é algo particularmente barato. Um quarto num hotel começa nos 50€ e vai por aí a cima. As minhas opções preferidas são hostels, homestays e couchsurfing, sendo que os últimos dois são ilegais, mas a melhor forma contactar com os locais e de aprender…

Como fazer o VOA (Visa On Arrival) para o Irão

Desde que o Irão assinou o acordo nuclear o processo para a obtenção de vistos é muito mais fácil do que era. Hoje em dia muitas nacionalidades podem pedir o Visa On Arrival sem terem que passar pela chatice de ir à embaixada e felizmente Portugal é um desses países. Aqui está, passinho a passinho,…

Uma maratona tuga por Kashan

Ao contrário dos franceses e alemães, que quase fogem uns dos outros quando se cruzam em viagem, eu adoro conhecer os portugueses que percorrem este mundo. E em Teerão o Pina (o meu amigo) conheceu dois portugueses que estavam a fazer uma volta pelo Irão mais ou menos como nós. Encontrámo-nos por breves momentos em…

Isfahan e os sabores do Irão

Mal nos metemos no autocarro de Yazd para Isfahan sabíamos que estávamos a chegar ao fim desta incrível jornada. Ia ser a última cidade onde íamos pernoitar. Ficámos na Anar Guesthouse, a casa de uma família iraniana muito acolhedora que recebe turistas. Assim que a Mashad, a filha, nos abriu a porta sentimo-nos em casa….

Kerman e Yazd, as cidades do deserto

Estas duas pequenas cidades no deserto não podiam ser mais diferentes uma da outra. Tivemos pouco mais do que algumas horas em cada, mas foram ambas surpreendentemente interessantes, principalmente de um ponto de vista cultural. Passámos por Kerman a voar! Em Kerman ficámos no maravilhoso Narenj Hostel. Os donos eram simpatiquíssimos e recomendaram-nos um restaurante…

Deserto, Oásis e Kaluts: entrámos num jipe e aterrámos em Marte

Não querendo parecer muito ignorante, antes de ter planeado esta viagem não fazia ideia que o Irão tinha desertos. Ou pelo menos desertos que valem a pena ser vistos. Mas quando comecei a pesquisar e a delinear uma rota, esbarrei com fotografias dos Kaluts e soube imediatamente que tinha que ver aquelas paisagens ao vivo….