O que fazer em Istambul: 30 dicas

Observa a forma como a arquitectura de três impérios se mistura. Visita a Hagia Sophia e prepara-te para ficares de queixo caído. Absorve os diferentes cheiros, cores e sabores do bazar das especiarias. Usa um ferry para ires da Europa para a Ásia em 15 minutos. Passeia pela Istiklal, o coração de Istambul. Aprecia a…

Então como é que foi viver em Istambul?

Perguntou toda a gente com quem me encontrei no último ano. E porque descrever o ano mais louco da minha vida num minuto dá muito trabalho, a resposta acaba sempre por ser “foi giro, foi diferente”. Portanto, como forma de aumentar a produtividade e de dar uma resposta sincera sobre o que é um ano…

Pelos ares da Capadócia

E ainda dizem que há coisas que não caem do céu! (não, não me estou a referir aos balões de ar quente…) A melhor coisa de se trabalhar numa agência de viagens local são as coisas grátis 😀 a Capadócia estava no topo da minha bucket list desde o dia em que vi, numa revista…

Istambul é…

Durante um ano vivi e trabalhei em Istambul o que me deu a oportunidade de compreender um bocadinho desta cidade indefinível. Primeiro, Istambul é fusão. De religiões, culturas, opiniões e personalidades. É Europa e Ásia. É modernidade e tradição. É ocidente e oriente. É o ezan da Hagia Sophia e Mesquita Sultanahmet a ecoar numa…

O cantinho secreto do mar Egeu

A 6 horas do caos de Istambul, escondem-se duas pérolas do Mar Egeu (Aegan) comummente ignoradas pelos roteiros turísticos. Quem mora em Istambul e não quer dar em louco, sabe que de vez em quando é preciso fugir por uns dias e Çanakkale é a escapadela perfeita. Sim, 6 horas de autocarro não é nada…

Bucareste – Istambul: A viagem mais longa de sempre

Como já disse nalguns posts, voar não é a minha cena e se a alternativa ao avião me parecer plausível, normalmente escolho essa opção. Foi o que aconteceu quando tive de voltar de Bucareste para Istambul. O autocarro deixou de ser uma opção a partir do momento em que partia às 4:30 da manhã (whyyyy???)…

10 experiências inesquecíveis a viver na Turquia

“Amandares-te” de um precipício em Fethiye (com parapente, se não vai ser a primeira e última experiência). 2. Anda de balão na Cappadocia e vê o nascer o sol a iluminar uma paisagem única. 3. Faz um picnic no topo de um anfiteatro com mais de 2000 anos. 4. Vê o pôr-do-sol num ferry que…

De Antália a Izmir e os 1000 quilómetros de mota (3/3)

Bodrum Em 2014 fizemos (eu e o Mehmet) uma visita flash a Bodrum. O nosso objectivo era chegar às Ilhas Gregas e Bodrum é um dos melhores sítios na Turquia para tal. É uma cidade portuária pequenina, boa para conhecer durante um dia. Alaçati Alaçati parece que foi construída única e exclusivamente para tirar fotos…

De Antália a Izmir e os 1000 quilómetros de mota (2/3)

Kas Esta foi a primeira vez que a dura realidade das viagens de mota me atingiu. Atingiu-me nas costas e no rabo! De Olympos até Kas são uns 140 KM, que de carro até se faz muito bem, mas de mota são quase 4 horas de sofrimento. Anyway. Kas: a vila mais perfeita da costa…

De Antália a Izmir e os 1000 quilómetros de mota (1/3)

A costa da Turquia é um dos meus sítios preferidos neste mundo. Felizmente já tive a oportunidade de visitar diferentes partes em três anos (2013, 2014 e 2015) e nunca desilude. A água é azul-turquesa, limpa e quente. A paisagem é rochosa, verde e muitos sítios permanecem, ainda, intocados. Há de tudo: desde ruínas com…

Antália foi uma aventura inesquecível

Quando me lancei ao MySelfMyWorld’13 – MMW’13, um projecto para dinamizar um campo de férias para alunos do secundário turcos, não fazia ideia do que me esperava. Nunca tinha estado na Turquia, pouco ou nada sabia sobre Antália e não conhecia ninguém que ia participar no projecto. Mas o que acabou por tornar estas 6…

Antália e o choque cultural

Antália é uma das cidades mais europeias (ou russa) da Turquia e quem a visita como turista não costuma experienciar qualquer tipo de choque cultural. Mas em 2013, Antália foi a minha casa enquanto fazia um estágio de voluntariado pela AIESEC durante um mês e meio. Era a primeira vez que estava num país muçulmano…