O meu top 15 de Nova Iorque

Nova Iorque é uma cidade estupidamente cara. Mesmo, mesmo muito! Mas tem uma coisa óptima: uma grande parte dos “must do” são grátis. Por isso, aqui vai uma lista dos meus sítios preferidos. Grátis, mais ou menos grátis e dois muito caros para compensar :p

  1. The High Line 

Esta antiga linha de metro transformada num passeio por entre prédios nova-iorquino fez-me apaixonar pela cidade. Durante o dia está cheia de gente mas entretanto chega o pôr-do-sol e é um dos melhores sítios da cidade para o ver. À noite é simplesmente o sítio mais relaxante para se estar. Há espreguiçadeiras, fontes e uma vista incrível para os arranha-céus de New Jersey.

Preço: Grátis

40639d7758e785390e08d0497b84a1c3
Foto: Arch Daily

p1000987 p1010011

2. Brooklyn Bridge & Dumbo

Logo a seguir à High Line, vem a Brooklyn Bridge. Do nada somos transportados para o cenário de centenas filmes e tudo parece um sonho. Também é um dos sítios mais fotogénicos da cidade e podes sempre acabar no Dumbo junto ao YO e a um belo jardim para picnics!

Preço: Grátis

Atravessar a ponte de Brooklyn
Atravessar a ponte de Brooklyn

p1010084 p1010150 p1010156 p1010164

3. Top of the Rock 

É aqui que o mundo para e percebes que estás em Nova Iorque. Estupidamente quase que pensei em não ir por causa do preço: 32 dólares. Mas felizmente ao mesmo tempo pensei “bem, não sei quando é que vou estar aqui outra vez, por isso, e como diz o CR7, “que se fod*!”.

Foi a melhor decisão da viagem. Quase que corremos para lá porque a bilheteira fechava nalguns minutos e fomos os últimos a subir. Lá em cima, tínhamos o Top of the Rock quase só para nós e só saímos quando nos expulsaram.

Só visto:

14657807_10206763463435733_944226592_n

p1010015 p1010036

4 – MET 

Muito à semelhança do British Museum, Pergamon ou Louvre o MET tem uma colecção de arte arrebatadora. Não falo só de pintura ou escultura, o MET está dividido por continentes e cada área tem uma colecção gigantesca de arte “local” desde armamento, canoas, trajes, jóias, templos… uma das salas está tão cheia de ouro que parecia o baú do tesouro de um navio pirata. Para ver tudo como deve ser precisas quase de um dia inteiro, mas com 4 horas eu fiz a festa 🙂

Preco: O museu é donation based, por isso podes dar 1 dólar pelo bilhete.

p1010354 p1010408 p1010439

p1010357

5 – Bryant Park 

Este parque surge como um pequeno oásis no meio do caos de Manhattan. Mesmo atrás da Biblioteca de Nova Iorque e cercado de arranha-céus é o local de eleição para o pessoal de fato e gravata ir picnicar ao almoço.

Posso dizer que depois de uma semana a dormir 4 horas por dia, também é o local perfeito para dormir uma sestinha sem parecer um sem abrigo porque há várias pessoas a fazer o mesmo 😀

Preço: Grátis

Passar pelas brasas no Bryant Park

p1010276 p1010288

6- Staten Island Ferry 

Um presente oferecido pela cidade de Nova Iorque. O ferry parte a cada 20 minutos do Battery Part (Lower Manhattan) e vai até à Staten Island passando pela estátua da liberdade. Pelo caminho dá para admirar o horizonte de arranha-céus que é Nova Iorque e New Jersey. A melhor hora é ir um bocadinho antes do pôr do sol até porque vais ter que fazer duas viagens (ida e volta) e assim podes ver a vista de dia e de (quase) noite.

Preço: Grátis

p1010192 p1010209 p1010229

7 – Central Park 

O calor do dia em que visitei o Central Park quase o tornou numa espécie de selva amazónica. Apesar dos litros de suor e da caça à sombra este ex-libris é obrigatório para quem visita Nova Iorque. É preciso quase um dia para se visitar o parque todo: Strawberry Fields, a fonte e as arcadas, o campo gigantesco onde as pessoas jogam frisbee e futebol americano… até um jardim zoológico há lá dentro! Por isso, prepara essas pernas vais ter muito que andar para descobrir o pulmão da cidade.

Preço: Grátis (usa os bebedouros do parque porque as águas que se vendem à volta custam 3 dólares)

p1000919 p1000925 p1000960 p1000965 p1000968

8 – MoMA 

Não sou minimamente uma expert em arte, mas a colecção do MoMA impressiona qualquer um. É como se voltássemos ao livro de história do nono ano, ao capítulo de história de arte, e víssemos à nossa frente a maior parte das obras de arte que aparecem lá fotografadas. Van Gog, Monet, Matisse… o MoMA é uma exibição da melhor arte que este mundo tem para mostrar.

Preço: 27 dólares adultos, 14 dólares estudante (aceitam cartão de estudante de outros países).

img_20160917_130644

9 – Grand Central Terminal 

Uma das coisas mais incríveis sobre Nova Iorque é parecer que estamos sempre no cenário de um filme e a Grand Central é o exemplo perfeito desse sentimento. Um conselho? Não pares lá no meio a tirar fotografias porque as pessoas de Nova Iorque têm muita pressa e levam tudo à frente!

p1010462

10 – Memorial – World Trade Center & Oculus 

Por coincidência acabei por ir ao World Trade Center no 11 de Setembro. Se tivesse que descrever este sítio numa palavra escolheria: desconfortável. Acho que o facto de não saber bem o que se passou ali para além de que milhares de pessoas morreram torna aquele memorial muito estranho. Vale a pena pela arquitectura espectacular.

Preço: As fontes (memorial) e o Oculus (centro comercial) são gratuitos. O museu é gratuito às Terças feiras. 

p1010050 p1010059 p1010185

11 – Chelsea Market 

A versão Nova Iorquina do Mercado da Ribeira. O Chelsea Market concentra milhões de calorias e comidinhas deliciosas debaixo do mesmo telhado. O edifício é do final do século dezanove e ainda conserva partes dessa época. É um sítio para se ir de barriga a roncar de fome, porque não vais saber por onde começar. Curiosidade do dia: foi naquele edifício que a Oreo foi inventada 😀

Preço: Gratuito

p1010311

12 – The Cloisters 

O Cloisters é um museu diferente, é um museu em forma de mosteiro que foi desenhado para expor obras de arte sacra. Está localizado em Upper Manhattan no topo de um parque em Washington Heights. Esta zona da cidade não é minimamente turística por isso é uma boa oportunidade de conheceres um outro lado de Nova Iorque. A caminho do museu, pelo parque, vimos esquilos, guaxinis e duas marmotas 😀

Preço: pay what you wish, ou seja, a partir de um dólar.

p1010537 p1010543

13 – Times Square 

Para uma pessoa que trabalha em comunicação e publicidade, Times Square é um lugar de culto. A verdade é que aquilo frita um bocado o cérebro porque ninguém consegue processar tanta informação ao mesmo tempo. Mas são dezenas de ecrãs as passar centenas de anúncios e milhares (milhões?) de pessoas por todos os lados. É impossível não ficar atordoado.

Peço: Grátis

p1010246

14 – Stand Up Comedy

Um dos meus hosts em Nova Iorque recomendou-me um bar com stand up comedy gratuito todas as quartas feiras. Cada sessão dura cerca de uma hora e cada comediante tem 10 a 15 minutos no palco. Tirando um ou outro menos bom, adorei a experiência e acho que vale muito a pena. Contudo, o sítio mais famoso de Nova Iorque para stand up é o Comedy Cellar, de onde saíram alguns dos melhores comediantes do país.

Preço: Grátis

14572519_10206763467795842_2107032335_o

15 – Gospel 

Este é o meu único arrependimento da viagem a Nova Iorque, mas fica para uma próxima visita. Não tive tempo para visitar o Harlem nem às missas conhecidas pelos seus coros Gospel. Mas sei que nestas tours ao Harlem (que funcionam por gorjeta) recomendam os melhores sítios para ouvir Gospel.

Preço: Grátis

Guarda todas estas dicas no Pinterest! 🙂

10-dias-em-marrocos-1

 

Anúncios

2 Comments Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s